Disco da Semana; 'Antiphon', Midlake (2013)


Disco da Semana; 'Antiphon', Midlake (2013)


Este álbum do Midlake é um final feliz que começou com um divórcio. A mudança de vocalista trouxe canções lindíssimas com clima de meio da estrada inspirado pela suave progressão setentista.

Tim Smith saiu da banda no meio das gravações do álbum e, como se nada tivesse acontecido, o guitarrista Jeff Pulido assumiu os microfones, e assim ficou. Há algo novo, mas o som e tão bom e o disco tão redondo, que nos esquecemos da mudança. 

As canções são 'grandiosas'. No espírito Spiritualized, Radiohead e, claro, em Pink Floyd

"Antiphon" é o primeiro álbum do resto de uma vida. O melhor de um rumo em crescendo que no anterior já atingira um nível de intensidade e um grau de depuração incrível.
O som é grande e pomposo como as grandes obras devem ser, mas a humanidade está ali, profunda e inerente a cada palavra de cada canção
O Midlake hoje é uma banda melhor e maior? Menos nostálgicos e mais progressivos, talvez. E têm em mãos um dos álbuns mais bonitos do novo milênio. Uma extraordinariamente bela declaração de independência.

Tracklist:01 Antiphon
02 Provider
03 The Old And The Young
04 It's Going Down
05 Vale
06 Aurora Gone
07 Ages
08 This Weight
09 Corruption
10 Provider (Reprise)
.

Mais informações;


This entry was posted on 24 de jul de 2014 and is filed under . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0. You can leave a response.

Leave a Reply