Música para sentir; 'Unknown Caller', U2 (2009)


Música para sentir; 'Unknown Caller', U2 (2009)

A vida é uma janela aberta. Á fechamos quando nos dá vontade.

Olá! Sou eu aqui! Casado num casarão. Ouvindo música, pessoas, coisas e segundos. Um coração em suspensão.

Escolhi uma vida que nunca pensei em escolher e estou me divertindo muito com ela. É fácil pra mim. Acho que é mais fácil pra mim do que pra maioria, e talvez isso, tenha me colocado onde estou hoje... Com a janela fechada.

Passamos a vida inteira ouvindo o quanto o casamento é ruim, que enjoamos da pessoa, que sexo se torna uma droga, que todos os defeitos dela vão aparecendo, blá, blá, blá... Quer saber; O problema é seu. Só seu. Olhe pro próprio umbigo.

Esperamos tudo de alguém e não estamos dispostos a dar nada em troca. Fidelidade, carinho, compreensão... E isso é tudo? Não.

Amizade, organização, parceria, loucura, riso, sonho, comida, roupa lavada, correria... Tudo isso é o casamento... E um príncipe ou princesa vestidos de branco não dão conta de tudo isso.

Mas no meu caso, eu não encontrei uma princesa vestida de branco. Encontrei uma mulher inteligente, disposta e, acima de tudo, valente, pra encarar o desafio que é viver junto de alguém.

Se estou realizado hoje pessoalmente, devo tudo á ela.

E isso é tudo? Não.

Estou muito chateado também.

Chateado com as pessoas. Chateado com a inveja, distância, pouca importância, descompromisso, falta do que dizer, pensar... Essa inoperância complexa que o mundo é hoje pra mim.

Agradar. Ser agradado. Esse parece ser o final de tudo.

A importância de tudo é relativa. Infelizmente, supervalorizada. E eu sempre fiz isso. Sempre coloquei todos em um pedestal. Da minha maneira grossa, irriquieta, rude, sincera, honesta, exagerada, chata e passional de ser. Mas hoje, nada de tudo o que fiz ou disse faz mais sentido.

Na verdade, tenho muita sorte. Tenho uma pessoa. Pra sempre. Muitos não tem nada. Muitos não conseguem ter alguém. Ou tem, e não sabem ser felizes com isso.

Casa na praia... Feriado no parque... Rir do que antes não se ria... É... Isso é uma tentativa. Uma parte do caos que estava quieta. Ser ridículo é um direito que todos nós temos.

A vida vai seguir. Com certeza. Sempre segue. E eu sei que não estou sozinho.

"Honestidade? Cale-se agora. Não se mexa ou diga algo... Recomece e reinicie-se"



Postagens mais visitadas deste blog

Música + Cinema; 'Cadillac Records', (2008) (Torrent Download + OST MP3 Download)

As Favoritas de... Eddie Vedder (Pearl Jam)

Música + Cinema; 'Some Kind of Monster', Metallica (2004) (Download Torrent)