Músicas para salvar a sua vida; 'She's Leaving Home', The Beatles (1967)


Músicas para salvar a sua vida; 'She's Leaving Home', The Beatles (1967)

No dia 7 de dezembro de 1963, os Beatles participaram como jurados do “Juke Box Jury”, um programa de discos realizado pela BBC TV. Num dos quadros, 4 garotas imitavam e dublavam a cantora Brenda Lee.

Paul ficou encarregado de escolher a melhor e optou pela número 4.


Três anos depois, Paul McCartney leu um artigo no Jornal londrino “Daily Mirror” sobre uma menina de 17 anos que havia fugido de casa e como ele sempre tivera um bom relacionamento com seus pais, a estória o tocou.



À procura de sociedades alternativas, jovens deixando o lar e abandonando uma educação formal eram relativamente comuns a partir de 1967. Da frase “I can’t imagine why she should run away, she has everything here.” proferida pelo pai da menina no artigo, Paul escreveu “we gave her everything money could buy”. A menina se chamava Melanie Coe. A maior distinção entre sua historia pessoal e a da canção, é que ela na verdade fugiu para se encontrar com um rapaz que trabalhava como croupier num Cassino. No mais, Paul acertou bastante quanto à distância na comunicação entre as gerações de pais e filhos. Ela foi encontrada e raptada de volta para a casa de seus pais até completar 18 anos e se casar, agora para poder fugir de vez…
A canção tem a distinção histórica de ser a única gravada pelos Beatles, contendo uma orquestração arranjada por outra pessoa que não fosse George Martin. Quando Paul McCartney, autor da canção, procurou Martin, este estava ocupado terminando a produção de outro artista. Martin pediu que Paul aguardasse alguns dias antes dele poder assumir o arranjo, mas na pressa Paul não pensou duas vezes em contratar outro arranjador, Mike Leander, para fazê-lo. George Martin, apesar de ofendido, não deixou de continuar a trabalhar e colaborar, regendo a orquestra para a gravação.



A grande coincidência é que a garota fujona, Melanie Coe, é a mesma que havia vencido aquele concurso, três anos antes!

She´s Leaving Home é mais um exemplo de Paul trabalhando em casa e saindo com outra bela balada que conta sua própria história. (como em Getting Better, Paul diz que a música lhe chegou pela primeira vez enquanto andava com Martha, sua cachorra, no Primrose Hill). John acrescentou algumas frases ao refrão – contra o sustenido de Paul… “She is leaving…”, cantava as belas frases de contraponto: “We gave her most of our lives” (Nós lhe demos a maior parte de nossas vidas.) Mas não deveria haver nenhum outro Beatle nela. Paul queria que o fundo fosse apenas de cordas. Naquela época, Paul já desenvolvera muito o gosto pelas orquestras e pelas coisas clássicas, razão provável para ele mesmo não ter querido tocar um instrumento nessa faixa. "She´s Leaving home" não é realmente uma canção dos Beatles, falando em sentido estrito. É puro McCartney, do começo ao fim, com uma pequena ajuda do amigo John. E além das duas vozes, tudo o que ouvimos é uma harpa e um noneto de cordas (quatro violinos, duas violas, dois celos e um contrabaixo.

Letra;
Wednesday morning at five o'clock, as the day begins
Silently closing her bedroom door
Leaving the note that she hoped would say more
She goes downstairs to the kitchen
Clutching her handkerchief
Quietly turning the backdoor key
Stepping outside, she is free

She
(We gave her most of our lives)
Is leaving
(Sacrified most of our lives)
Home
We gave her everything money could buy
She's leaving home after living alone
For so many years

Father snores as his wife gets into
Her dressing gown
Picks up the letter that´s lying there
Standing alone at the top of the stairs
She breaks down and cries to her husband
"Daddy, our baby is gone"
Why would she treat us so thoughtlessly?
How could she do this to me?

She
(We never thought of ourselves)
Is leaving
(Never a thought of ourselves)
Home
We struggled hard all our lives to get by
She's leaving home after living alone
For so many years

Friday, morning at nine o'clock, she is far away
Waiting to keep the appointment she made
Meeting a man from the motor trade

She
(What did we do that was wrong?)
Is having
(We didn't know it was wrong)
Fun
(Fun is the one thing that money can't buy)
Something inside that was always denied
For so many years

She's leaving home... Bye, bye

Curiosidade; Em abril de 1967, poucos meses antes do lançamento de 'Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band', Paul McCartney visitou Brian Wilson, líder e principal compositor dos então 'Beatles da América', Beach Boys, em Los Angeles. Depois de uma tarde de troca de idéias entre dois gênios da música Pop, McCartney sentou-se ao piano de Wilson e tocou 'She's Leaving Home' para ele e sua esposa. 'Nós dois choramos. Era linda', disse Wilson tempos depois. É até hoje sua favorita dos Beatles. Porém, o álbum 'Sgt. Pepper's...' só existiu pela obsessão que Lennon e McCartney tinham pelo álbum 'Pet Sounds', dos Beach Boys, lançado um ano antes. Discos-irmãos, quando a competição na música rendia frutos para a eternidade.

Mais Informações;

Postagens mais visitadas deste blog

Música + Cinema; 'Cadillac Records', (2008) (Torrent Download + OST MP3 Download)

As Favoritas de... Eddie Vedder (Pearl Jam)

Música + Cinema; 'Some Kind of Monster', Metallica (2004) (Download Torrent)